About Me


PM comemora Dia das Mães com música e poesia


“Quando chego em casa, depois de um plantão, tenho que planejar o dia que sucederá. Tenho que lavar, passar e guardar... Limpar, cozinhar, e novamente lavar. Organizar, preparar, pagar. E não posso me esquecer, do que eu mais gosto de fazer, que é proteger, ensinar, embalar, orar, aconchegar e afagar”. Esse é um trecho do poema: Sobre ser mãe – policial; policial-mãe, escrito pela soldado PM Gleicijane, do Departamento de Comunicação Social (DCS) da PM que homenageou todas as mães que participaram da cerimônia comemorativa ao Dia das Mães, nesta quinta-feira(9), no Quartel do Comando Geral da PM, nos Aflitos.

Durante o evento, presidido pelo comandante geral da PM, coronel Anselmo Brandão, acompanhado do subcomandante geral, coronel Paulo Uzêda, o Coral e o Grupo de Teatro da PM realizaram apresentações musicais e declamaram poesias em homenagem à maternidade de nossas corajosas policiais militares, que escolheram assumir o papel social de proteção da sociedade baiana, e exercem simultaneamente o nobre e terno papel de mães.




O comandante geral, coronel Anselmo Brandão pediu que as policiais militares mães, transmitam o espírito maternal para todos. “O que desejo hoje é que vocês continuem sendo carinhosas e disciplinadoras. Que o espírito maternal das senhoras possa ser repassado, pois nós policiais temos também esse papel acolhedor e protetor com os pares e a sociedade”, enfatizou.

O comitê inter-religioso da PM, com representantes das religiões: católica, espírita, matriz africana e evangélica deixou mensagens de fé, amor e sobre a importância do amor e das mães para a humanidade.

No final, a esposa do comandante geral, Rosângela, a mãe do subcomandante geral, Zulica, a major Fabiana e a subtenente Jailza, representando todas as mães do evento, receberam flores, chocolates e presentes. Todas as mamães receberam uma rosa e participaram do sorteio de brindes.

Postar um comentário

0 Comentários